quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Postais

Sempre fui apaixonada por cartões postais, cartas manuscritas, cartões de natal, bilhetinhos, papéis de carta.... enfim tudo que gira em torna da comunicação, mas de forma digamos “lenta” ou “arcaica”.

Em tempos de Internet (e olha que eu comecei cedo no mundo virtual – 1994 com os BBS), é difícil ver alguém que ainda cultiva esse antigo hábito de enviar cartas, postais e afins.

Mas não é que eu arrumei uma amiga (que foi morar em Londres) e que tb adora os postais. Ela sempre me presenteia com eles a cada nova descoberta que faz pela Europa. (Camis pode continuar mandando que eu AAAAAAAAAAMOOOOOOOOO).

Antes da Camis ir morar em Londres, eu comprava postais para mim mesma. Como assim? Pois é acho que não sei explicar mas olha que vc vai entender.... eles foram parar na parede e viraram objeto de decoração da casa, é um dos projetos de decoração da minha casa que mais gosto. Talvez pq tenha levado tempo para saber o que fazer com aqueles postais, um dia descobri, mas não encontrava as molduras que queria. Até que em uma viagem p/ Curitiba – naquela feira que eu amo – encontrei as molduras.
E o resultado é esse:

3 comentários:

Flávia Lima disse...

Oi Grazi! Postais são realmente uma paixão! Montei um painel com alguns dos que eu tenho_infelizmente perdi uma caixa deles nas minhas inúmeras mudanças_ mas como estou de mudança de novo, tô esperando ir para a casa nova para criar um cantinho especial com eles. Adorei seu post, acho seu blog super "aconchegante", daqueles lugares que a gente entra e tem clima de café com bolo na cozinha! Uma delícia! Resolvi testar o serviço do postcrossing, mandei um postal para uma moça em Oaklahoma, nos Estados Unidos. Vamos ver no que dá!:)
Um beijo enorme!
Flavinha

Karen disse...

Postais nunca fui la tao apaixonada, mas escrever carta sempre gostei.
Existe um grupo de correspondents, tentei entrar mas nao deu muito certo. tinha uma uma amiga, uma senhorinha de 80 e tantos anos. muito legal. mas ela faleceu.
mas é muito bacana.

Monica Loureiro disse...

Lindinhos, adorei !